Buscar
  • Adriana Ramos Haeberle

Meditar não é parar de pensar!

Os Yogas Sutras de Patanjali nos ensinam os passos que devemos seguir no caminho do Yoga, a disciplina que purifica a mente. O Sutra 2 diz que "Yoga é a cessação da identificação com os citta vrttis", que em sânscrito significa as perturbações, oscilações ou flutuações da mente. Citta, mente, consciência e vrttis, perturbações, oscilações.

O sofrimento é fruto da nossa identificação com as projeções de nossa mente, com nossas emoções e com nossos pensamentos. Através da não identificação com esses objetos com os quais nos relacionamos, acessamos a nossa verdadeira essência, caminho para uma paz profunda e verdadeira. Meditar, então, é não se identificar com seus pensamentos. É vê-los passar. Como as nuvens passam no céu, como as águas de uma cachoeira nunca param, nossos pensamentos vem e vão. A meditação nos coloca em uma situação de expectadores de nossa mente, de nossas emoções e sensações. Sem identificação, sem apego.

Sentar em uma posição confortável com as costas retas, fechar os olhos e focar a atenção na respiração, sentindo o ar fresco que entra pelas narinas na inspiração, e o ar mais aquecido que sai na expiração, é uma técnica simples para começar. Comece com 5 minutos diários. E aos poucos vá progredindo, sem julgamentos, sem expectativas. Como tudo na vida é a prática, é a disciplina que trará os resultados.

Namastê

Hari Om



4 visualizações

© 2018 by Intoyourhealth. Proudly created with Wix.com

Contate-nos
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now